Área de concentração

Manejo e Conservação de Ecossistemas Agrícolas e Naturais

Caracteriza-se pela realização de pesquisas básicas e aplicadas dirigidas aos ecossistemas agrícolas e naturais com foco na manutenção da biodiversidade, na avaliação de impactos ambientais e na conservação do solo, recursos hídricos, vegetais, animais e microbianos. Esta área de concentração busca compreender as relações antrópicas e a biodiversidade, considerando os processos da interação permanente entre o meio físico, os recursos genéticos, os sistemas de gestão e práticas utilizadas por populações culturalmente diversas. Tal abordagem holística possibilita um melhor entendimento das complexidades, com o intuito de propor alternativas para a sustentabilidade dos sistemas de produção. A proposta reconhece a importância das interações entre esses ecossistemas e a necessidade de formar profissionais capazes de avaliar, planejar e gerenciar os sistemas naturais e agrícolas no âmbito da conservação dos recursos como parte integrante da estratégia produtiva.

Área de avaliação CAPES

O Programa de Pós-Graduação em Ecossistemas Agrícolas e Naturais está vinculado a área de avaliação de Ciências Agrárias I. Informações sobre os critérios utilizados pela CAPES para classificação dos programas de pós-graduação vinculados às Ciências Agrárias I podem ser conferidos no documento de área de 2016. Informações adicionais sobre as tendências da avaliação da CAPES para o próximo quadriênio podem ser visualizadas na apresentação da professora Maria Angélica Miglino realizada na UFSC campus de Curitibanos em 2016.